Blog

Jantar harmonizado com cachaça é um luxo!

Por Cachaciê   •  31 janeiro de 2019   •  Compartilhar


 

O 5º ENCONTRO DE CACHACIERS CANA BRASIL foi encerrado com chave de ouro, com jantar harmonizado, no Restaurante Vila do Rei, para 120 convidados, em Bichinho, Distrito de Tiradentes – MG.

 

No comando dois renomados chefs mineiros, reconhecidos nacionalmente. Flavio Trombino, do Restaurante Xapuri, e Edson Puiati, Coordenador do Curso de Gastronomia da Una – nota 5 no ENAD.

 

 

Confira:

 

ENTRADAS FRIAS 

 

– Prato: Baguette presunto cru Parma adocicado, queijo cabra e geleia de pimenta.  

 

– Cachaça: Mazuma Prata – descansada no INOX. 

 

– Harmonização: Prato untuoso, doce, picante e seco do queijo de cabra. A cachaça branca inox traz um adocicado para contrastar com os sabores do prato e traz frescor. O doce da cachaça quebra picância comum no queijo de cabra. 

 

 

– Prato: Pão neutro, emulsão de endro, atum fresco, cacau da Amazônia e flor de sal.  

 

– Cachaça: Mazuma armazenada no Bálsamo. 

 

– Harmonização: Prato leve, com sabor agridoce do cacau, e o vegetal bem aromático do endro.

 

O bálsamo traz herbal e seco que vai amplificar o vegetal do endro e equilibrar o sabor do cacau, destacando a leveza do atum.

 

 

ENTRADAS QUENTES

  

– Prato: Bolinho de Mandioca, com emulsão de pimenta.  

 

– Cachaça: Mazuma armazenada em Jequitibá. 

 

– Harmonização: Textura pastosa da mandioca e picância contrastando com o aroma adocicado e acastanhado da cachaça, atenuam a gordura do prato que é frito. 

  

– Prato: Linguiça caseira assada, cebola caramelizada na rapadura e com molho de jabuticaba picância. 

 

– Cachaça: Mazuma armazenada no Carvalho. 

 

– Harmonização: Caramelo + carne gordurosa aliados ao carvalho são casamento duradouro. Por similaridade os aromas doces se propagam e as especiarias se acentuam no retrogosto.

 

 

– Prato: Torresmos com flor de sal e limão.

 

– Cachaça: Mazuma Blend Carvalhos.

 

– Harmonização: A gordura do torresmo, a acidez do limão e o adocicado intenso da cachaça se equilibram bem.

 

A flor de sal traz delicadeza ao prato, atenuando a sensação da untuosidade do prato.

 

PRATO PRINCIPAL

 

 

– Prato: Baião de “Quatro” – feijão fradinho, arroz, queijo minas, carne de sol.   

 

– Harmonizado com cachaça armazenada no Bálsamo.

 

 

– Untuosidade e texturas combinadas ao herbal e seco para destacar ainda mais os elementos e especiarias da composição do prato.

 

 

·        SOBREMESA

  

– Prato: Doce de leite com café, cachaça e sorbet de garapa, com capim limão.  

 

– Cachaça: Mazuma armazenada na Amburana.

 

– Harmonização: O adocicado da cachaça combinado ao doce de leite e toque fresco da sobremesa ajudam a enriquecer a experiência dos sabores.

 

O café que está presente no doce de leite traz elegância e personalidade ao retrogosto, marcando o final da refeição.

 


 

·        #movimentosoudacachaçasoudobrasil