Blog

Salinas – Capital Nacional da Cachaça

Por Cachaciê   •  10 dezembro de 2018   •  Compartilhar


Senado aprova Salinas, em Minas, como capital da cachaça!
O projeto (PLC 93/2018) aprovado pelo Plenário do Senado reconhece o município de Salinas, no norte de Minas Gerais, como a Capital Nacional da Cachaça.
O relator, senador Antônio Anastasia (PSDB-MG), justificou que a região produz cerca de 5 milhões de litros de cachaça e abriga os alambiques de mais de 50 marcas de aguardente.
Outra proposta aprovada pelos senadores confere à cidade de Farroupilha, no Rio Grande do Sul, o título de Capital Nacional do Moscatel. O relator Paulo Paim (PT-RS) destacou a tradição e o cultivo da uva moscatel na região produtora de vinhos finos moscatéis, como espumantes.

 

As duas propostas seguem para sanção presidencial.

 

(George Cardim, da Rádio Senado 06/12/18)

 

Crédito Foto: Acervo do Museu da Cachaça, de Salinas – MG.

 

Saiba Mais Sobre os Produtores de Cachaça de Salinas

APACS (Associação dos Produtores Artesanais de Cachaça de Salinas)

 

Visão

A APACS é uma associação que dá suporte aos produtores associados na divulgação e comercialização de suas marcas de cachaça e contribui decisivamente para a preservação da autêntica cachaça artesanal de qualidade de Salinas.

 

Missão

A APACS existe para viabilizar a preservação da autêntica cachaça artesanal de qualidade de Salinas, suportar os produtores associados na produção, divulgação e comercialização de seus produtos e defender seus interesses econômicos e financeiros junto aos órgãos fiscalizadores e normatizadores do setor.

 

Valores

Ética Transparência Abertura Compromisso

 

Objetivos

1-Assegurar o padrão de qualidade da autêntica cachaça artesanal de Salinas; 2-Viabilizar o incremento da comercialização e divulgação dos produtos dos associados; 3-Viabilizar a adequação da carga tributária para a cachaça artesanal; 4-Realizar o Festival Mundial da Cachaça em Salinas, anualmente; 5-Aumentar o faturamento da associação; 6-Defender os interesses dos produtores associados frente às “cachaças” vendidas sem controle fiscal;

 

Estratégias

 

1-Garantir a implantação do projeto de Indicação Geográfica da região de Salinas;

1.1-Garantir a parceria com o MAPA, PREFEITURA MUNICIPAL DE SALINAS,IMA, SEBRAE, EMATER, BNB , E IFNMG-CAMPUS SALINAS;

2-Criar e divulgar um site da APACS, com links para as marcas dos associados, bem como implementar o comércio eletrônico;

2.1-implementar o marketing eletrônico na APACS;

2.2-Garantir a presença da APACS em todos os festivais importantes, levando as marcas dos produtores associados;

2.3-Criar um espaço estruturado na APACS para que os produtores possam reunir-se com seus clientes, fornecedores e demais associados;

2.4-Instalar 2 outdoor na estrada de acesso a Salinas;

2.5- Instalar placas de sinalização para facilitar o encontro da Associação pelos turistas/clientes;

2.6-Contribuir com a implantação do museu da cachaça de Salinas;

3-Liderar a participação de outras associações e cooperativas representativas de Minas para a adequação dos impostos incidentes sobre a cachaça artesanal;

3.1- Acelerar a implantação da IG de Salinas como instrumento de viabilização da renúncia fiscal por parte dos Governos Federal e Estadual;

4-Viabilizar os patrocínios privados e participações de órgãos governamentais para o crescimento do Festival Mundial da Cachaça, como instrumento de alavancagem do negócio direto e dos seus reflexos na comunidade local;

4.1-Desenvolver projeto com a prefeitura e Associação Comercial para incrementar o turismo de negócios por ocasião do festival mundial da cachaça.

 

Serviço

APACS

www.apacs.com.br

(38) 3841-3431

CNPJ: 04.909.923/0001-11

Endereço: Av. Antônio Carlos, 1.250, Bairro Casablanca (Dentro do Museu da Cachaça de Salinas) – Salinas (MG) – Cep.: 39.560-000

 

(Fonte: Senado Notícias)